Como usar um vaporizador de ervas | Vaporizador de Ervas

Como usar um vaporizador de ervas


Caso ainda tenha dúvida sobre o que são vaporizadores, clique aqui.

O uso correto de um vaporizador de ervas secas pode melhorar drasticamente as sessões, economizar maconha e garantir a longevidade do seu vape. Este guia explica como usar um vaporizador de ervas secas, desde a preparação de suas ervas até a limpeza de seu vape. Quando terminar, você passará de um iniciante em vaping a um especialista em vaping. Pelo menos no que diz respeito ao conhecimento, você ainda precisa aprender os aspectos práticos, mas pelo menos estará pronto. Então, chega da introdução, é hora de começar.

Carregando a bateria

A maioria dos vaporizadores incluirá um cabo USB em seu kit; portanto, se você quiser carregar o seu vape o mais rápido possível, conecte o cabo USB a um adaptador de parede, se possível, e conecte-o. Vapes maiores, como o Mighty e Solo 2 usam um carregador proprietário.

Alguns vaporizadores usam uma bateria removível ou, se for esse o caso, pode haver diferentes métodos de carregamento usados. Normalmente, a bateria pode ser carregada separadamente em um carregador ou enquanto ainda estiver dentro do vaporizador. Se você possui uma bateria removível. Você também pode investir em baterias extras, pois isso significa que você sempre terá uma bateria nova pronta quando a bateria acabar. Os vaporizadores de maconha geralmente usam baterias 18650, mas alguns, como o DaVinci Miqro usam 18350 baterias.

Progamando suas sessões

 Uma sessão é a quantidade de tempo que você vaporiza a erva no forno. Você precisa vaporizar toda a erva no forno durante essa sessão, porque tentar usar um forno em várias sessões não funcionará. Isso ocorre porque, mesmo depois de desligar o vaporizador, o forno retém um pouco de calor e continua a aquecer a erva e possivelmente a queimá-la. O aquecimento da erva dentro da câmara torna isso ainda pior, o que significa que você pode acabar com uma erva com sabor de cinza. Portanto, se você quiser evitar isso – e evita, vape toda a erva no forno durante a sessão.

Leia o manual do vaporizador

A maioria dos vaporizadores de ervas secas é muito fácil de usar, mas isso não significa que você pode começar a usá-los às cegas. Você precisa verificar o manual de instruções em primeiro lugar para se familiarizar com o funcionamento do seu maconha vape.

O Burnoff Esta etapa é opcional nos vaporizadores, mas alguns consultórios gostam de executar uma sessão de burnoff. Isso significa ligar o vape por uma sessão completa (temperatura mais alta, forno vazio), para limpar qualquer pedaço de resíduo que possa ter caído no forno durante a fabricação ou armazenamento.

Para executar uma sessão de queima: (1) Verifique se o forno do seu vaporizador está vazio. (2) Ligue o vaporizador. (3) Coloque-o na temperatura mais alta. (4) Deixe aquecer por cinco a dez minutos. Obviamente, você não deve inalar o vaporizador enquanto este processo estiver em andamento.

Moer sua erva

O próximo passo, e possivelmente o mais importante, é moer sua erva. Os vaporizadores não funcionam bem com grandes pedaços de maconha em suas câmaras, eles precisam ter uma erva finamente moída para obter o máximo desempenho.

A razão é que a erva finamente moída possui uma área de superfície maior, o que permite que ela seja aquecida de maneira mais uniforme. Dessa forma, você obterá todo o sabor, terpenos e todas as outras coisas boas da sua erva no vapor.

Carregue a câmara do forno / ervas

 Uma vez que sua erva é está triturada, é hora de colocá-la na câmara de ervas. Você deve seguir as instruções de embalagem do manual do seu vaporizador ao carregar a câmara. No entanto, independentemente do tipo de vaporizador que você estiver usando, você não deseja embalar demais a câmara. Isso ocorre porque isso pode causar problemas que afetam a experiência do vaporizador.

Uma câmara com excesso de embalagens pode impedir que toda a erva seja vaporizada uniformemente, resultando em sabor inconsistente. O ar também terá problemas ao passar por uma câmara que foi compactada com muita força, o que resultará em aquecimento desigual e uma experiência de vapor inferior. Além disso, se o forno estiver localizado abaixo do bocal, a embalagem excessiva pode restringir o fluxo de ar e dificultar a inalação do vapor.

Um forno perfeito é cheio e macio, onde o ar pode viajar facilmente entre as ervas.

Defina a temperatura do vaporizador

Configurações de temperatura do vaporizador de ervas secas. Depois de ligar o vaporizador, você precisa definir a temperatura do vapor. Alguns vapes, como o Arizer air têm um conjunto de temperaturas predefinidas, enquanto outros, como o IQ, têm controle preciso da temperatura, o que permite definir qualquer temperatura ao longo da faixa de temperatura do vaporizador. Você encontrará a temperatura que melhor lhe convier, mas é aconselhável que você comece com baixa temperatura e depois suba gradualmente à medida que for mais confortável com o vaping.

Comece baixo e aumente progressivamente. Uma temperatura baixa no vapor de ervas secas está entre 170° C e 180 ° c. Em temperaturas mais baixas, você tende a ter mais sabor e menos vapor denso. Temperaturas mais altas fornecem o oposto, você obtém vapor mais espesso e menos sabor. Aumente lentamente a temperatura a cada nova sessão até encontrar a configuração ou o intervalo que lhe proporciona o melhor sabor.

Inspire o vapor

Depois que o vaporizador terminar de aquecer, é hora de começar a vapear, então você quer ir com calma na primeira vez que inspira. Você deve começar com inalações longas e lentas de cerca de sete a dez segundos antes de expirar. Todas as inalações devem ser feitas nesse ritmo lento e constante durante a sessão.

Limpe seu vaporizador

É claro que você deseja manter limpo o forno e o bocal do seu vaporizador, mas só precisará limpá-los após cada dez a vinte sessões. Você pode limpar o forno usando qualquer escova, mas pode ficar com a que está incluída no kit do seu vaporizador, desde que esteja incluída. O melhor momento para limpar o forno é enquanto ele ainda está quente, antes que o resíduo esfrie e endureça, o que dificulta a limpeza.

Você pode limpar o bocal do seu vaporizador usando cotonetes e álcool isopropílico. Um bocal entupido pode reduzir o fluxo de ar e dificultar os vapores, portanto, mantenha-o limpo. Essas são dicas generalizadas, mas você deve verificar o manual do vaporizador e seguir as instruções antes de limpar o forno ou o bocal.

Considerações finais    

Isso pode parecer várias etapas para começar a usar um vaporizador de ervas secas, mas são todas muito simples, você provavelmente terá mais problemas para configurar sua nova TV do que com seu vape. A primeira e mais importante coisa que você precisa fazer é ler o manual de instruções. Isso ocorre porque as dicas e conselhos desta página são generalizados para todos os tipos de vaporizadores de ervas secas e você deseja ter certeza de que está usando o vaporizador da maneira que o fabricante pretendia.

Você não precisa saber como um vaporizador de maconha funciona para usá-lo; de fato, a única outra coisa que você precisa saber é quando substituir a erva no forno. Então, agora que você percebe que o vaporizador é muito fácil, é hora de você obter o melhor vaporizador de ervas secas possível, para que você possa experimentar a melhor maneira de desfrutar da maconha.

Caso ainda não tenha adquirido seu aparelho, pode comprar neste link, use o código VAPORIZEJA para obter desconto.

Posts Recentes