Aprenda a preparar Óleo de THC ou manteiga canabica | Vaporizador de Ervas

Aprenda a preparar Óleo de THC ou manteiga canabica


Existe uma infinidade de coisas que você pode fazer com a erva já vaporizada, como já falamos aqui. Dentre elas, cozinhar com o THC está dentre as mais populares, especialmente porque ajuda a disfarçar o mau gosto da erva. E nada melhor para essa tarefa que óleo de THC!

Tradicionalmente, na culinária cannábica usa-se a tradicional manteiga, que também ensinamos como fazer! No entanto, o óleo de THC com base de óleo de coco possui muitas vantagens sobre a opção anterior.

Por que utilizar óleo de coco?

O óleo de coco é perfeito para a culinária com cannabis. Utilizado como base em diversos produtos e alimentos, ele é o preferido dos chefs pela sua alta concentração de gorduras saturadas, que pode chegar a 80%.

Como alguns já sabem, o THC é dissolvido exatamente em gordura. Por isso não pode ser diluído em água, e prefira de alimentos a base de leite ou gordura para ser ingerido como alimento. Com esse alto índice, o óleo de THC feito a base de óleo de coco é ainda mais potente que a manteiga!

O óleo de thc

Assim, começarei explicando o conceito por trás do óleo de THC, algumas de suas aplicações e outros benefícios de sua utilização. O óleo de THC busca diluir o THC presente na planta ou extratos em uma base oleosa. Essa base pode ser utilizada para cozinhar e, no caso do óleo de coco, também para uso tópico!

Para fazer isso, no entanto, o THC precisa ser aquecido até uma temperatura específica (em torno de 105ºC). Esse processo, chamado descarboxilação, é o que permite que o THCa seja absorvido pelo corpo como THC. Do contrário, o óleo não surtirá efeito.

A vantagem aqui é que, como estaremos utilizando erva já vaporizada, significa que a erva já passou por esse processo! Essa facilitação no processo permite a culinária com erva até para aqueles que não possuem equipamentos mais custosos em casa.

Depois de descarboxilada, basta misturar a erva ao óleo e aquecer até completar a infusão do THC. O óleo resultante pode substituir qualquer receita que utilizaria óleo ou óleo de coco tradicionalmente. Além de cozinhar, você também pode usar esse óleo para fazer um óleo de uso tópico de cannabis. O óleo também serve de lubrificante íntimo (mas cuidado, pois camisinhas de látex estouram com lubrificantes a base óleo). Descubra a melhor maneira de usar!

Como fazer?

Preparar o óleo de THC com erva vaporizada é muito simples. Siga os passos abaixos e você terá seu óleo em poucas horas!

Ingredientes

Você irá precisar de:

  • 1 copo de erva triturada
  • 1 copo de óleo de coco
  • 1 panela de cozimento lento

    Caso não tenha, faça o processo em banho maria

  • 1 peneira ou filtro

Modo de preparo

1. Primeiro, aqueça o óleo em uma panela de cozimento lento.

É importante lembrar que o óleo não pode ultrapassar 145ºC, sob o risco de queimar e evaporar os componentes da erva. Quanto mais baixa a temperatura, melhor.

1.1 Se você não tiver panela de cozimento lento ou outra maneira de controlar a temperatura, faça o processo em banho maria. Basta esquentar 4 dedos d’água em uma panela grande, até a fervura. Depois, coloque uma panela menor dentro desta, onde você irá aquecer o óleo.

1.2 Caso você esteja utilizando erva fresca, terá que aquecer até pelo menos 105ºC – ou seja, não poderia usar banho-maria, que chega apenas a 100ºC. Por isso é muito mais fácil usar erva já vaporizada!

2. Agora despeje a erva sobre o óleo.

Misture bem, e deixe no fogo de 6 a 8 horas, quanto mais melhor. Lembre-se de mexer a mistura constantemente: se a erva tiver muito contato com a superfície da panela, pode se queimar.

3. Depois de passadas as oito horas, desligue o fogo e filtre o óleo de THC.

A intenção é remover todos os pequenos traços de erva da mistura, para garantir a consistência e melhor gosto na hora de cozinhar. Tente não pressionar a mistura: isso faz a planta liberar clorofila para a mistura oleosa, tornando-a verde e com gosto mais forte de erva.

4. Está pronto! Agora você pode usar o seu óleo de THC caseiro para cozinhar.

O óleo pode substituir qualquer outra receita que peça óleo, como grelhados, refogados, doces e bolos.
É importante ressaltar: não use o óleo em receitas que serão aquecidas acima de 145ºC. Isso irá evaporar todo o THC do seu óleo de THC, deixando-o sem efeito. Receitas que vão ao forno normalmente podem ser cozidas a temperaturas mais baixas se ficarem por mais tempo.

Como lidar com o gosto e precauções

Assim como a manteiga e qualquer outro prato que utilize erva vaporizada, a erva terá um gosto forte e pungente. Para amenizá-lo em suas receitas, você pode fazer a lavagem de erva com água. Explicaremos todo o processo futuramente no site.

Para se livrar do gosto e de outras impurezas, a lavagem é altamente recomendada para aqueles que querem fazer pratos realmente gostosos com erva.

Outras precauções importantes de serem tomadas são quanto a dosagem e consumo. Se você for inexperiente ou é sua primeira vez fazendo uma receita, experimente doses baixas aos poucos para medir a potência.

O THC, quando ingerido, é sintetizado pelo corpo de maneira diferente de quando fumado ou inalado. Isso prolonga os efeitos e pode causar desconfortos em usuários inexperientes. Esse modo de consumir também pode burlar a resistência adquirida por alguns usuários ao longo do tempo.

O óleo de THC, feito com óleo de coco, costuma ser mais potente para a mesma proporção de erva que a manteiga. Isso se deve à sua concentração de gorduras saturadas e a maneira como é digerido pelo organismo. Tudo isso pode afetar o produto final, então fique sempre atento!

Finalmente, o óleo pode ser conservado por mais de dois meses sob refrigeração. Mas tente usar o quanto antes para garantir o máximo frescor e potência. Se você gostou da receita ou tem alguma sugestão, deixe pra gente nos comentários!

Posts Recentes